4 de dez de 2013

Hit the Lights - Capitulo 9 / Amo.


"Eu quero muito que seja para sempre,
Porque você pra mim foi um presente,
Da vida, do meu sonho, com você me imponho,
Pra te ter até o fim, sinto você em mim"
-Eu Amo Você, Bonde da Stronda

P.O.V Dulce

 Havia anoitecido e Ross pediu para ficar ali com ele. Não ia recusar. Ele precisava de alguém.
 -Dulceeeeeeeeeeeeee!! -gritou do banheiro.
 -Oi! -gritei de volta.
 -Traz uma cueca, por favooor! Eu esqueci! -eu estranhei, mas fazer o que né. Peguei uma cueca e bati na porta do banheiro. Ele abriu a porta e fiquei sem saber o que fazer. Ross estava com uma toalha amarrada na cintura e outra estava secado seu cabelo. Sua barriga ainda molhada parecia me hipnotizar. O sorriso em seu rosto parava meu coração. -Obrigado. -disse pegando a cueca de minha mão. Pouco tempo depois ele saiu do banheiro somente com uma calça de moletom.
 -Tem certeza que quer que eu durma aqui? -perguntei enquanto ele se sentava na cama ao meu lado.
 -Claro que sim! Vem, vamos ver um filme! -ele me puxou para deitar em seus braços e pegou dois controles: com um ele desligou a luz e com outro ligou a televisão.
 Estávamos vendo "Uma Comédia Nada Romântica". Nunca o vi rir tanto. Estava conhecendo o verdadeiro Ross, não que ele fosse muito diferente mas encantador.
 -Dulce? -me chamou.
 -Sim? -disse o olhando.
 -Obrigado. -disse com um lindo sorriso de canto.
 -Por ...?
 -Por esta aqui do meu lado, me apoiando, mesmo eu tendo mentido.
 -Quem ama sempre está do lado mesmo que a pessoa tenha feito uma coisa idiota.
 -O que? -disse surpreso. Somente assim me toquei do que falei.
 -Ér... amigo... quando se ama um amigo... -disse nervosa e ele riu.
 -Eu entendi o que quis dizer. -fiquei aliviada. Ele passou as costas de suas mãos com o melhor sorriso no rosto. Eu estava ficando louca, minha respiração e meu coração descompensados. -E eu tenho que confessar que sinto o mesmo. -ele chegou mais perto de mim... mais perto... mais perto...
 -Acho que... que isso não é certo. -disse a um centímetro de distancia de sua boca.
 -Por que não? Nós dois queremos. -retrucou.
 -Nã...
 -Eu te amo. -me interrompeu. Depois que ele disse isso, não conseguia negar mais nada a ele. Seu beijo era delicado, doce, romântico e viciante. Ficamos assim durante alguns minutos. Nos afastamos mas ele manteve sua mão em minha nuca e nossas testas coladas.
 -Repete? -disse quase sem folego.
 -Eu te amo, Dulce. Eu te amo. -disse sorrindo me fazendo abrir um também.
 -Seu sempre te amei. -ele deu meu sorriso favorito e voltamos a nos beijar.

 Continua.

NOTA

Oee, povo lindo hahah'
Ta pequeno, eu sei, mas pelo menos eu postei u.u
Desculpe não ter postado... tenho tido muitas provas e trabalhos para fazer
Agora mesmo vou sair do computador e ir estudar para uma prova que eu tenho amanhã.
Eu tenho uma surpresa para vocês, hahah
Mas só vou contar depois u.u
A Sarah Picles Ellen sabe e.e
To indo meu povo, lindo'
2Beijos;*

NO PRÓXIMO CAPITULO

 "Não conseguia acreditar muito no que estava fazendo. Mas não mudaria nada. Faria tudo de novo. Só esperava que realmente tivesse servido para alguma coisa."

Música do capitulo: Eu Amo Você

Ps: Essa música é tão vida <3 Bonde da Stronda é tão vida <3

2 comentários:

  1. O.M.G serio que isso aconteceu?! to chocada, mas eles ate que ficam fofos juntos.
    espero nque a prova tenha corrido bem.
    beijo.
    Maria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahah ... eu não tenho o resultado ainda mas tomara que sim
      Beijo, amoree'

      Excluir