13 de dez de 2013

Hit The Lights - Capitulo 10 / Acontecendo.

Essa foto é foda demais!! *oo*
"Ainda sinto nojo, sinto pena e raiva de alguém
Mais sei que meu jeito, meu mal, meu defeito"
-Pra Não Dizer Que Não Falei de Ódio, Projota


P.O.V Narradora

 Ninguém conseguia acreditar em Ed. Como ele seria capaz de fazer essas coisas? Fácil, ele não seria.

P.O.V Ed

 Não conseguia acreditar muito no que estava fazendo. Mas não mudaria nada. Faria tudo de novo. Só esperava que realmente tivesse servido para alguma coisa. Eu estava em minha cela. Distraído escrevendo uma música.
 -Senhor, Edward! -olhei e vi um policial.
 -Sim? -ele destrancou a cela.
 -Delegado ta chamando. -me levantei e o segui. Entramos na sala do delegado e ele me olhou sério. Não acreditava em uma palavra que dizia.
 -Sente-se, senhor Sheeran. -o fiz e ele respirou fundo. O policial saiu e fechou a porta. -Bem, o senhor disse que é responsável por todos os crimes, certo? -assenti. -Então, o que nos tem a dizer sobre esses dois aqui? -ele colocou duas pastas em minha frente. Abri a primeira e vi "Assalto a Casa dos Bierk's" e na outra "Morte de Priscilla Bierk".

P.O.V Narradora

 Selena e sua nova amiga planejavam mais um assalto. Após o assalto a joalheria que não deu lá muito certo, estavam planejando assaltar a casa dos Bierk: a família mais rica de sua cidade. Ninguém nunca havia se quer ousado a passar perto do terreno deles. Mas nem Selena e nem Ellen ligavam para isso.
 Pegaram tudo o que precisavam e foram em direção a casa deles. Duas horas no carro e finalmente chegam lá. Olharam uma para a outra e sorriram. Selena deu um passo a frente e abriu o portão devagar.

P.O.V Dulce

 Estava sentada na mesa tomando café da manhã junto com o Ross e seus pais.
 -Que som é esse? -todos ficamos em silencio e tentamos ouvir o tal som que a empregada perguntara.
 -É o meu celular, licença. -me levantei e andei em direção a sala. Peguei minha bolsa que estava em cima do sofá e a abri. "Becky", dei um pulo ao ler o nome. -ROSS, É A BECKY!!!!! -atendi o celular. -BECKY!!!!!!!!!!! -ouvi uma risada, e parei. Não era a risada dela. -Quem ta ai? -falei séria.
 -Calma, não se assuste, não é a Becky. Ela ta bem. Aliás, ótima. -eu conhecia essa voz porém não sabia de quem era.
 -Ta, quem é...
 -ME DA SAPORRAAAAAAA!!!! -Ross apareceu e arrancou o celular da minha mão. A campainha tocou e vi a empregada abrir a porta. Eram os pais de Becky.
 -O que ta acontecendo? -sussurrei para mim mesma.

P.O.V Ellen

 Estava tudo indo muito bem. Conseguimos abrir o tão grande e falado cofre da mansão e estávamos limpando ele. Selena parou e me encarou.
 -Ouviu isso? -sussurrou sem mexer um músculo.
 -Isso o que? -sussurrei de volta ainda guardando as coisas. Ouvi um rangido e parei.
 -Ouviu agora? -parei a ficamos nos encarando. Vi um vulto passar atrás dela.
 -Atrás de você! -ela olhou e vimos alguém correndo. Merda! Corremos atrás da pessoa pela casa toda. Conseguimos a alcançar a tapamos sua boca.
 -Você vai aprender a nunca sair do seu quarto a noite, docinho! -Selena disse sorrindo. Era uma menina. Uma linda menina, aliás. Deveria ter mais ou menos nossa idade. Eu não sabia o que pensar. Nunca havia acontecido isso. Foi quando Selena puxou uma faca de sua mochila e eu paralisei sem acreditar no que ela estava fazendo.

P.O.V Ed

 -Ela morreu esfaqueada, senhor Sheeran. E foi vista a mesma pessoa de casaco preto de sempre. O que tem a dizer sobre isso? Afinal, o senhor não disse que era o senhor em todos os locais?
 -Não tenho nada a dizer sobre isso. -foi ela. Eu sabia. Mas não ia a entregar. E foi naquele momento que percebi que tudo o que fiz não serviu para nada. O delegado abriu a boca para falar porém foi interrompido pela porta se abrindo. Eu comecei a sentir raiva, nojo, não sabia explicar o que era direito. Não me arrependi do que fiz, mas...
 -Desculpe interromper, Delegado. -um homem de terno disse. -Porém as câmeras conseguiram gravar um dos rostos. -ele me olhou tentando esconder um sorriso. Ele sabia, de alguma forma, que não era eu. O tal cara o entregou um envelope e tirou lá de dentro uma foto. Ao ver o delegado deu um sorriso reluzente.
 -Bem, senhor Sheeran, acho que o senhor nos deve explicações do porque ter mentido.
 -O que? -disse. Ele me entregou e eu gelei quando vi a tal foto...


 Continua.


NOTA

Oee, povo lindo!! ta ae o capitulo 10 e.e
Não sei se ta bom e pa .. mas ta ae '-'
Bem, agora eu vou escutar música e pa
Ah, e uma noticia ruim pra vocês.... EU PASSEI PORRAAA!!!! EU PASSEEEEEI!! HELLO, FERIAS u.u
A noticia ruim é que agora vocês vão ter que me aguentar quase todos os dias u.u
Heheheh e.e
Fui-me
2Bjs;*

NO PRÓXIMO CAPITULO

-Onde ela ta?!
-Ela ta..
-Fala!
-MEU DEUS, ELA TAVA AQUI! CADE ELA?!

Música do capitulo: Pra Não Dizer Que Não Falei de Ódio

Ps:Picles pira e.e

3 comentários:

  1. voce acha que não ta bom?! ta perfeito. omg o que é que vai acontecer??? e aquela rapariga? a Selena vai mata-la?
    PAAAAAAAARRRRRAAAAAAABBBBBBÉÉÉÉÉSSSSSS fico feliz por ter passado. vou tentar estar aqui todos os dias, mas se algum dia faltar comento quando voltar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. omg esqueci de assinar e de me despedir. credo, peço desculpa.
      beijo.
      <3maria<3

      Excluir
    2. Cara, tu é demais mano! hahah ... obrigada e.e
      tipo, eu vou ve se leio algumas coisas e vejo alguns filmes q me ajudem a escrever... iih, relaxa, como eu disse, vou estar QUASE todos os dias aqui... tudo depende da minha imaginação hahah'
      Beijo, flor'

      Excluir